Um sopro


Um sopro

Por André kler

Um dia a gente acorda e não sabe o porquê da existência.
Se pergunta porque é tão difícil ser feliz? estar bem? É como uma sequência de um filme que não quer acabar, mais até acabar cansa...
Uma hora, não sabemos o que é dia, o que é noite, o que é cheio, vazio, uma hora até a gota d'água nos incomoda.
Mas me pergunto tem sentido tudo isso?
Tem sentido estar sobre - vivendo.
Ai vem a arte, sim vem a arte, a Arte nem sempre é a Resposta ela é dúvida, e no duvidar que prosseguimos.
Porque tantas inversões, 
Ninguém nos ouve.
Ouviram?
Ninguém...
E só no criador que encontramos o sentido da arte de viver, ele prepara para nós um espetáculo de existência, porque sabe que viver é a maior prova de Amor a ele.
O Dom da vida é a dádiva de saber que cada sorriso,cada manhã, ele vai estar conosco...
Ele sempre esteve, em cada lágrima, cada gesto, cada minuto em cada sopro.
É a vida, é a vida o maior espetáculo da criação...

Postagens mais visitadas